Home » Animais » Cação-bico-de-cristal

Cação-bico-de-cristal

Galeorhinus galeus é o nome que os cientistas dão a uma espécie de tubarão comumente conhecida como cação-bico-de-cristal. É da família Triakidae.

Cão

De acordo com crenças supersticiosas, os dentes do cação-bico-de-cristal ou do tubarão são usados ​​como talismãs. Pingentes são feitos deles, que se acredita servirem para proteger as crianças de qualquer perversidade. Da mesma forma, no passado eles eram manipulados para descobrir se algum alimento poderia ser envenenado, o que era positivo se o dente mudasse de cor.

CARACTERÍSTICAS do cação-bico-de-cristal

O cação-bico-de-cristal corresponde à raça dos tubarões, sendo pequeno, como seus dentes, quando comparado a outras variedades. Seus dentes são afiados e cortantes. É cartilaginoso, encorpado, embora achatado e longo. Atinge cerca de 2 m, no entanto regularmente o seu tamanho varia entre cerca de 20 a 80 cm.

Existem exemplares que atingem os 50 kg de peso, o que os torna muito valorizados no mercado europeu. A cor do cação-bico-de-cristal é cinza prateado, com a parte ventral de um tom mais claro. Sua boca é longa. Os olhos são ovais com membranas nictitantes, quase transparentes, com uma pálpebra adicional que oferece maior proteção. Com dentes planos em forma de triângulo.

O cação-bico-de-cristal tem uma cabeça ligeiramente achatada e uma boca longa e arredondada. Possui duas barbatanas dorsais, a primeira maior que a segunda. É um peixe nadador que não possui espinhos nessas extremidades. A cauda é uma barbatana com dois lóbulos, um inferior desenvolvido e um terminal alongado.

LONGEVIDADE

Sua vida útil média é bastante longa, embora seja de crescimento lento, vai até cerca de 55 anos. É um peixe que consegue realizar migrações significativas e gosta de nadar em cardumes.

No verão procura ficar em águas frias ou profundas e no inverno procura as quentes e costeiras. Sua vida ocorre no fundo, entre 40 e 100 m.

HABITAT

O cação-bico-de-cristal costuma viver perto da costa, em águas temperadas dos oceanos, a profundidades entre 40 e 100 m. É persistente encontrá-los em diversos países como Argentina, México, Brasil, Panamá, Uruguai, Austrália e Islândia.

Eles também são encontrados na África do Sul, Havaí, Nova Zelândia, Espanha e outros. No entanto, é no leste da Venezuela onde sua presença é mais abundante, razão pela qual é muito apreciada neste país.

REPRODUÇÃO do cação-bico-de-cristal

O cação-bico-de-cristal leva tempo para atingir a maturidade sexual, então os machos a atingem aos 8 anos de idade e as fêmeas aos 11 anos. É um animal ovovivíparo, ou seja, a mãe retém os ovos na cavidade uterina até que eles se desenvolvam e eclodam. Ao nascer, os jovens já têm a mesma aparência dos adultos.

A gestação dura cerca de 10 a 12 meses, o que ocorre a cada um ou três anos, conseguindo descendência de 6 a 52 exemplares. O cação-bico-de-cristal tem dimorfismo sexualmas para identificar o tubarão macho da fêmea deve-se apenas prestar atenção às suas barbatanas pélvicas.

As barbatanas do macho se aperfeiçoaram na borda interna dos mesmos membros copulatórios externos conhecidos como terigópodes. Estes desempenham o papel do pênis, e na mulher esses órgãos não existem.

ALIMENTANDO

O cação-bico-de-cristal é um animal que se alimenta essencialmente de outros animais aquáticos encontrados em cardumes como carapau, sardinha, cavala e outros. Também cefalópodes, animais invertebrados e crustáceos.

Distingue-se de outros tubarões pelo fato de escolherem caçar em bandos. Um dos métodos que emprega é encurralar pequenas organizações de peixes.

VARIEDADES

As seguintes espécies de cação-bico-de-cristal são distinguidas:

  • Musola Mustelus mustelus: Estes são encontrados no Atlântico e em suas massas de água quente. Evite as águas pedregosas, optando pelas costeiras.
  • Toothy Musola Mustelus Canis: Também recebe o nome de boca doce. Está localizado principalmente na América Central. Tem carne de qualidade média, mas com bom tempero seu sabor melhora amplamente.
  • Gatinho Mustelus schmitti: É típico do Atlântico, das águas mediterrâneas do Pacífico e da América do Sul. É, dos tubarões, um dos menores.

USOS de cação-bico-de-cristal

O cação-bico-de-cristal é usado principalmente como alimento, gastronomicamente muito procurado em diferentes países. É comercializado em todo o mundo, sendo exportado congelado, sem vísceras ou cabeça, raspado e sem bacon, que também são exportados. Da mesma forma, para os mercados internos, é submetido ao processo de secagem e salga.

É uma carne muito apreciada e a partir da qual são preparados vários pratos de comida. Sua elaboração não é nada difícil e são feitos ensopados, bolos, empanadas, substitui a carne e outros.

Na Ásia, a sopa de barbatana de tubarão é considerada uma iguaria afrodisíaca. Na China, é degustado há mais de 2.000 anos. Uma vantagem é que esta carne está disponível durante todo o ano. Além disso, sua pele bastante áspera é manuseada por marceneiros como lixa para polimento.

Redação

caio carbonaro

Sobre Caio A Carbonaro Guerreiro

Caio A. Carbonaro Guerreiro é um renomado biólogo da Universidade de Santo Amaro, com vasta experiência e profundo conhecimento em seu campo. Ao longo de anos de dedicação, ele se destacou em pesquisas e projetos que contribuíram significativamente para a compreensão da biodiversidade e conservação ambiental. Sua paixão pela natureza e seu compromisso com a preservação a tornam uma referência respeitada, e seu trabalho tem um impacto duradouro na proteção dos ecossistemas e na educação ambiental.