Home » Animais » Enguia

Enguia

Para os estudiosos da fauna de peixes, o enguia É uma espécie que merece muita atenção. A sua estrutura física particular diferencia-o do resto dos peixes, mas também o seu ciclo biológico tem sido objeto de espanto e numerosos estudos. A enguia, cujo nome científico é enguia enguia pertence à família Anguilidae. São peixes que passam parte de sua vida no mar e outra parte em rios de água doce. Para a desova, a enguia percorre milhares de quilômetros para chegar ao Mar dos Sargaços onde, há 140 milhões de anos, vem realizando essa tarefa em seu processo reprodutivo.

Enguia

Aspectos morfológicos da enguia, suas características

Com seu corpo alongado – que à primeira vista pode dar a ideia de uma cobra – esses peixes são considerados grandes, pois podem medir até 1,5 metro e seu peso pode chegar a 30 quilos. O corpo da enguia é cilíndrico para achatar ligeiramente perto de suas costas. A cabeça acompanha o resto do corpo e também é alongada com 2 pequenas barbatanas nas laterais.

A cor da enguia é marrom escuro, branca ou amarelada na barriga e sua pele é coberta de muco que a torna muito escorregadia. As escamas que cobrem a enguia são microscópicas, por isso esse muco se torna muito importante como elemento de proteção.

Alimentação de enguias

Dotada de um grande olfato, a enguia é uma peixe carnívoro que procura seu alimento no fundo do mar ou dos rios. Sua dieta é muito ampla, pois é composta por qualquer animal invertebrado que possa capturar, sejam insetos, vermes, crustáceos, moluscos e às vezes até pequenos peixes.

O ciclo de vida da enguia

A maioria das espécies de enguias catádromo. Isso significa que eles nascem no mar, depois migram para rios de água doce para se desenvolver e finalmente retornam ao mar para completar sua maturidade sexual e desovar. Este ciclo de vida tem sido alvo de muitas observações devido às suas particularidades. A enguia comum, também chamada de enguia europeia, representa um dos casos mais extraordinários de migração, uma vez que migra há 140 milhões de anos para o Mar dos Sargaços.

Características da enguia, habitat, alimentação, reprodução Peixes

Dos leitos dos rios da Europa Ocidental e dos Estados Unidos da América, quando os exemplares de enguia atingem a maturidade sexual – ou seja, 8 anos para as fêmeas e 4 anos para os machos – iniciam uma viagem que os levará a percorrer cerca de 4.000 quilómetros e será necessário um tempo de 8 meses, até chegarem ao Mar dos Sargaços.

Uma vez lá, os machos e as fêmeas mergulharão a uma profundidade de cerca de 500 metros, onde todo o processo de acasalamento começa, desova e finalmente morre. Ou seja, o Mar dos Sargaços também pode ser considerado um santuário para a enguia comum.

Os ovos eclodem alguns dias depois de serem desovados e os filhotes que eclodem deles mal medem 1 milímetro.

Assim que nascem, as jovens enguias, movidas pelas correntes quentes do golfo, começam a regressar ao leito do rio de onde as mães partiram. Esta viagem inversa levará cerca de 4 anos de viagem. Um grande número de espécimes morrerá no caminho, mas as enguias desovam, em média, cerca de 9 milhões de ovos cada. Durante esta jornada épica são larvas que são conhecidas pelo nome de leptocéfalo.

Ao chegar à foz dos rios, os jovens em contato com águas menos salinas sofrem uma transformação. Nesta fase são chamados duendes.

A salinidade da água desempenha um papel muito importante na determinação dos sexos desses animais. As fêmeas subirão os rios até se localizarem em águas completamente frescas, enquanto os machos permanecerão perto da foz dos rios. Durante este processo, que dura cerca de 3 ou 4 anos, a enguia-de-vidro transforma-se em enguia.

Enguia

É quando chega a primavera que os espécimes que atingiram a maturidade sexual iniciam a longa jornada que lhes permitirá fechar seu ciclo de vida.

Enguia como alimento

Por muitos anos, a enguia representou um prato requintado na gastronomia de diferentes países do mundo.

O Japão é um dos países que dá maior importância às refeições que têm a enguia como ingrediente principal. Preparado na grelha e temperado com molho agridoce, é um dos pratos mais populares da culinária japonesa.

Espanha e Alemanha também o contam entre seus ingredientes. Atualmente, os pratos à base de enguias sofreram um aumento considerável de preços devido às dificuldades que surgem para a sua pesca em consequência das barragens que foram construídas.

caio carbonaro

Sobre Caio A Carbonaro Guerreiro

Caio A. Carbonaro Guerreiro é um renomado biólogo da Universidade de Santo Amaro, com vasta experiência e profundo conhecimento em seu campo. Ao longo de anos de dedicação, ele se destacou em pesquisas e projetos que contribuíram significativamente para a compreensão da biodiversidade e conservação ambiental. Sua paixão pela natureza e seu compromisso com a preservação a tornam uma referência respeitada, e seu trabalho tem um impacto duradouro na proteção dos ecossistemas e na educação ambiental.