Home » Animais » Hominídeos

Hominídeos

Animais da ordem dos primatas que andam eretos e sobre duas patas são classificados como hominídeos. Esta família inclui quatro gêneros diferentes, bem como sete espécies que ainda estão vivas. Estes incluem humanos, gorilas, orangotangos, bonobos e chimpanzés. A definição de hominídeo está intimamente relacionada com a evolução das pessoas. Estima-se que eles se originaram há 6 milhões de anos. No entanto, há estudiosos que afirmam que antes disso havia uma ligação compartilhada entre chimpanzés e humanos.

hominídeos

Vários significados

Existem diferentes formas de abordar e compreender a família dos hominídeos. Uma hipótese os apresenta como uma tribo secundária de primatas, mas visto dessa forma, a única espécie existente seria o ser humano.

Outra teoria os coloca como parentes de primatas. Isso incorpora como sobreviventes da família o chimpanzé, bonobo, orangotango e gorila. Por sua vez, inclui gêneros como Paranthropus, Australopithecus. No entanto, isso mostraria que a maioria dos hominídeos se extinguiu.

Por causa dessas diferenças marcantes, o termo pode levar à confusão.

Classificação dos hominídeos

Especialistas no estudo de primatas estão se inclinando para a cladísticaum ramo da biologia que estabelece as relações evolutivas entre os organismos de acordo com semelhanças derivadas. Consequentemente, os grandes símios anteriormente conhecidos como pongids foram “transferidos” para a ordem dos hominídeos bípedes. Por esta razão, esses macacos de tamanho considerável foram adicionados à família hominedae.

De acordo com várias investigações apoiadas pela genética, humanos, gorilas e chimpanzés constituem um único clado ou agrupamento. Em outras palavras, eles pertencem ao mesmo ramo da árvore filogenética.

Com exceção dos orangotangos nativos do continente asiático, os demais hominídeos têm suas origens em terras africanas. Embora o homem tenha se espalhado por todos os cantos do planeta.

Restos fósseis da espécie foram descobertos em vários lugares da Europa. A mesma coisa aconteceu na Ásia e na África. Essa evidência evolutiva tinha 20 milhões de anos.

Atualmente, faltam evidências convincentes sobre hominídeos originários das regiões americanas. No entanto, a única espécie que os alcançou naturalmente foi o ser humano.

Características dos hominídeos

hominídeos

Seu andar ereto conta entre suas características mais distintivas. No entanto, os hominídeos têm outras qualidades que ajudam a classificá-los como tal.

  • Eles são ágeis em subir em árvores.
  • Seu comportamento social é refinado e complexo, dividindo-se em clãs ou grupos, e não apenas em núcleos familiares.
  • Na maioria dos casos, sua nutrição é onívora.
  • Suas mãos se adaptaram para serem extremamente funcionais. Além disso, seus braços são mais curtos em comparação com os dos macacos.
  • Eles mostram um constante desenvolvimento das capacidades cerebrais, bem como cranianas.
  • Seus dentes estão acoplados – sem diastemas – já que sua mandíbula está diminuindo e em questão de tempo seus dentes ficam menores. A gama de espécies incluídas nos hominídeos possui dentaduras que consistem em 32 peças.
  • Seu comportamento sexual não está sujeito a objetivos reprodutivos. Na verdade, em inúmeras ocasiões é feito por prazer. Isso constitui uma distinção marcante da espécie.
  • Seu peso pode variar de 48 a 270 kg. O macho distingue-se pela sua tez robusta e por ter braços mais desenvolvidos que os da fêmea.
  • Suas narinas estão juntas e apontam para a frente. Por outro lado, eles são ligeiramente inclinados em direção ao solo.

Traços comportamentais dos hominídeos

Certas espécies, como o chimpanzé, também incluem alguns insetos ou pequenos mamíferos em sua dieta, mas isso representa menos de 5% do seu “cardápio”.

Entre um dos aspectos mais fascinantes dos hominídeos está seu nível vocal complexo junto com suas expressões faciais. Suas espécies são dadas à construção de abrigos ou ninhos.

Você pode ver o cuidado extraordinário que eles dedicam à sua prole por longos períodos. Como regra geral, cada uma das gestações resulta em um filho, embora haja exceções.

A evolução de suas mãos e cérebro facilitou a fabricação de várias ferramentas e a compreensão de como manuseá-las.

Descobertas fósseis recentes

Hominídeos O que são, classificação, características, traços, exemplos

Cientistas do Instituto Max Planck de Antropologia Evolutiva, na Alemanha, desenterraram três restos fossilizados da espécie. Dois deles foram batizados como “Homohabilis” e “Homoerectus”. No entanto, o resto precisa ser nomeado.

A descoberta foi registrada em terras quenianas no início de 2012 e foi publicada na revista especializada Nature, onde é relatado que os três espécimes devem ter vivido na mesma época e lugar, embora sem interagir entre si.

Devido ao excelente estado de conservação que os fósseis apresentam, podem ser avaliados com mais cuidado. O impacto dessa façanha é porque mostra que a evolução dos hominídeos se ramificou, evitando uma direção de mão única.

caio carbonaro

Sobre Caio A Carbonaro Guerreiro

Caio A. Carbonaro Guerreiro é um renomado biólogo da Universidade de Santo Amaro, com vasta experiência e profundo conhecimento em seu campo. Ao longo de anos de dedicação, ele se destacou em pesquisas e projetos que contribuíram significativamente para a compreensão da biodiversidade e conservação ambiental. Sua paixão pela natureza e seu compromisso com a preservação a tornam uma referência respeitada, e seu trabalho tem um impacto duradouro na proteção dos ecossistemas e na educação ambiental.