Home » Animais » Quanto tempo vive um buldogue inglês

Quanto tempo vive um buldogue inglês

Divulgue para seus amigos e seguidores!

O buldogue Inglês, também conhecido, simplesmente, como buldogue, é uma raça de cão originária do Reino Unido; é bem conhecida por sua aparência e rosto enrugado, além de ser um dos símbolos de toda a Inglaterra, tendo uma longa história.

Sua expectativa média de vida é entre as idades de 8 e 10 anos, embora isso seja algo que depende de circunstâncias diferentes (como veremos a seguir).

Quantos anos faz um buldogue Inglês

O buldogue é uma raça com uma expectativa de vida aproximada entre 8 e 10 anos, e essa pequena longevidade é dada por sua morfologia e pela forma como sua cabeça está predisposta, muitas vezes causando certos problemas.

As principais causas de morte nesta raça são as seguintes (sempre de acordo com um estudo do The Kennel Club e do comitê científico da Associação Veterinária Britânica de Pequenos Animais):

  • Problemas cardíacos: 20%.
  • Câncer: 18%.
  • Idoso: 8% (neste caso, a expectativa de vida é entre 10 e 11 anos).

Doenças comuns em um buldogue Inglês

Um dos principais problemas apresentados por sua morfologia são os insolação que pode sofrer, graças a ser um cão braquicefálico. Isso ocorre quando a focinheira do animal está afundada e plana, o que o impede de respirar corretamente ou mesmo ter dificuldades digestivas.

Também é muito propensos à obesidade, então você deve racionar os alimentos cuidadosamente para não prejudicar sua saúde.

Um dos problemas que a obesidade traz com ele é o agravamento do displasia do quadril, uma doença muito comum neste tipo de cão.

Além disso, o ganho de peso maciço pode levar a fraqueza nos membros e articulações, outros problemas respiratórios apresentados pela síndrome braquiocefálica e colapso sanguíneo, bem como aumento do risco de cardiopatia.

Deve-se notar que um buldogue média pode ter problemas oculares devido ao tamanho e posição craniana dos olhos, como entropion ou ectropion, que causam um problema na dobra das pálpebras, introduzindo-os no globo ocular ou expulsando-os para o exterior, respectivamente.

Cuidado com um buldogue Inglês

Para todos os mencionados acima é essencial ajudá-lo exercício 20 a 30 minutos por dia e ração cuidadosamente sua comida.

Cuidando de um buldogue inglês

Também É muito importante. ir a um veterinário de tempos em tempos para controlar esses tipos de problemas de saúde.

Além disso, você deve saber que o buldogue precisa de um cuidados orais intensivos, para não apresentar cáries ou outros problemas dentários.

Quanto ao casaco, um escovação a cada três dias, somado ao banho, corte de unhas e limpeza de suas dobras, já que, sendo um animal com tantas rugas, a umidade pode se alojar neles e causar infecções ou fungos que possam incomodar o cão.

Como último aspecto a destacar é o complicação para se reproduzir desta raça, pelo simples fato de que é difícil se mover antes da gravidez; por essa razão, a inseminação artificial é geralmente usada.

As fêmeas, neste aspecto, devem ser submetidas a Cesariana, já que seu problema no quadril pode impedi-lo de ter um parto naturalmente sem qualquer risco.

História e origem do buldogue Inglês

O nome buldogue deriva de duas palavras em inglês:

  • Touro: Touro.
  • Cão: cão.

Esta denominação foi atribuída à raça para sua função, que consistia do proteção animal e o lutas touro por diversão, chamado bull-isca, que foram Proibido em 1835.

Acredita-se também que o nome se deveu ao fato de que muitos açougueiros os usavam para executar touros, uma vez que consideravam que isso tornaria a carne do mesmo mais macia. Este termo foi usado pela primeira vez por volta do ano 1500.

História do buldogue inglês

Existir muitas teorias sobre a origem específica da raça, sendo que muitos acreditam que é um descendente direto do bullenbeisser (ou buldogue Alemão), o buldogue Espanhol, o mastiff inglês e outros tipos de cachorro.

No entanto, outros acreditam com certeza que o buldogue O inglês está relacionado com o kelb tal gliet, uma antiga raça de cão africano, ou que é um cruzamento entre um maltês e um mastiff inglês.

Anteriormente, o buldogue apresentou muitas diferenças em relação ao que conhecemos hoje, uma vez que este último foi cruzada com outras raças como o Pug, é por isso que hoje tem sua focinheira mais achatada.

Na época, o buldogue tinha uma maior semelhança física com o boxeador, porque ele era mais atlético, ágil e com maiores habilidades esportivas. Isso foi usado para a criação de outras raças, como o bull terrier ou o Beagle.

Hoje, o buldogue é um cão designado para a competição ou concursos de beleza de cães, uma tarefa totalmente diferente da que costumava realizar em suas origens. No entanto, ainda é um cão altamente estimado devido às suas características típicas e porque ainda mantém certos aspectos semelhantes aos seus antepassados.

Características do buldogue Inglês

Fisicamente, o buldogue atual tem ombros grossos e largos, com um torso igualmente largo, um pouco mais largo que sua cabeça, que também tem uma proporção considerável.

Sua pele é composta, principalmente, por dobras que fingem ser rugas, especialmente na área facial, onde também encontramos alguns olhos salientes de cor escura, seguido por um focinho curto e largo, com sua bochechas e jowls pendurado.

Suas orelhas são curtas e puxadas para trás, ao contrário de outros cães da mesma classe, cujas orelhas são mais caídas e cobrem as orelhas em sua totalidade.

Quão alto é um buldogue Inglês

Ele tem um altura aproximada entre 30 e 40 centímetros. A cauda geralmente é cortada, embora, em qualquer caso, sem cortar ela também não teria um tamanho muito mais alongado.

Quanto pesa um buldogue Inglês

Seu peso está em torno de 25 quilos.

Casaco do buldogue Inglês

Ele tem um casaco curto e liso, que aceita as colorações do tipo avermelhado, bege, brindle, com vários tons, e branco. Eles não são geralmente pretos e isso não é geralmente aceito como uma coloração predominante.

Temperamento e comportamento do buldogue Inglês

O buldogue é um cão afetuoso, calmo e sociável, a que deve ser devido acostumar desde cedo para socializar com outras pessoas que não sejam as de seu próprio grupo familiar e com outros cães, para que não gerem uma relação de dependência.

Características do buldogue inglês

Eles são extremamente cães seguro e corajoso, que não hesitará em protegê-lo de qualquer ameaça iminente. Os machos tendem a ser mais Territorial do que as fêmeas e Dominante sobre outros cães, embora isso possa ser evitado com treinamento adequado em uma idade precoce.

Normalmente não é uma raça violenta ou agressiva, desde que seja ensinada adequadamente.

Um dos poucos problemas que esta raça apresenta em termos de temperamento é o desobediência, pois pode levar um tempo para treiná-lo ou treiná-lo; por essa razão é que não é recomendado para iniciantes em termos de treinamento. Se possível, a melhor opção é deixá-lo nas mãos de um especialista canino que pode treiná-lo corretamente.

No entanto, o buldogue é um cão bonito e amigável que ele vai mostrar seu afeto diariamente; acabam por ser muito companheiros fiéis e desfrutar de receber afeto de seu mestre ou da família em geral. Além disso, eles tendem a ser Brincalhão e eles vão querer receber atenção e se divertir muitas vezes.

Resumindo…

Como você verá, não é fácil cuidar de um cão e menos desta raça; no entanto, um animal de estimação desta espécie lhe dará muito amor e carinho, especialmente se você demonstrar afeto da mesma forma, ajudando a prolongar seu tempo de vida tanto quanto possível. Certamente ele será grato a você e você também.


Divulgue para seus amigos e seguidores!
caio carbonaro

Sobre Caio A Carbonaro Guerreiro

Caio A. Carbonaro Guerreiro é um renomado biólogo da Universidade de Santo Amaro, com vasta experiência e profundo conhecimento em seu campo. Ao longo de anos de dedicação, ele se destacou em pesquisas e projetos que contribuíram significativamente para a compreensão da biodiversidade e conservação ambiental. Sua paixão pela natureza e seu compromisso com a preservação a tornam uma referência respeitada, e seu trabalho tem um impacto duradouro na proteção dos ecossistemas e na educação ambiental.