Home » Animais » Tucano

Tucano

Muitas coisas se destacam nele, mas sem dúvida o mais notável é seu bico colorido, arqueado e extenso, que pode medir 19 centímetros de comprimento, quase um terço do tamanho de todo o seu corpo. Qualquer um pensaria que é desconfortável ou pesado, mas não é. O pico de tucano É bastante leve, e serve não só para comer, mas também para dissuadir predadores e para se alimentarem durante a fase de acasalamento.

tucano

Originário das selvas tropicais da América do Sul, o tucano é uma das aves mais exóticas do planeta. Em dezenas de povos indígenas, é reverenciado por ser considerado um elo precioso entre o mundo dos vivos e o dos espíritos.

Com seu “traje” de penas pretas, com listras brancas, azuis, laranjas ou amarelas no pescoço, o tucano cativa os olhos. É muito fácil se apaixonar pela ostentação de seus tons e por aqueles olhos pequenos, rodeados por uma pele igualmente colorida, que lhe confere grande acuidade visual.

Origem e características do tucano

O tucano pertence à ordem Piciformes, da família Ramphastidae, que agrupa seis gêneros (Andígena, Baillonius, Alacorhynchus, Ramphastos, Pteroglussus e Selenidera), e pouco mais de 40 variedades. Seu nome vem da palavra tukana, originário da língua tupi.

A maioria das espécies tem uma cauda quadrada. Muitas pessoas ficam surpresas com a facilidade e velocidade com que se move de baixo para cima.

O maior tucano é o Toco, que atinge 63 centímetros, e o menor é o tucano verde, que mede de 33 a 36 centímetros. O peso oscila entre 130 e 680 gramas.

Este animal tem dentes que lembram serras. A língua é achatada, estreita e pode atingir as mesmas dimensões do bico.

Suas pernas são fortes, apesar de curtas. Graças a eles, o tucano pode se agarrar aos galhos e caminhar com grande agilidade entre as diferentes árvores.

O tucano não apresenta dimorfismo sexual. Uma das pequenas diferenças é que o bico da fêmea é um pouco mais reto que o do macho.

Devido aos seus tons brilhantes, o tucano consegue se camuflar à luz das florestas. No entanto, geralmente emite um som monótono ou um chilrear primitivo, o que sugere que seu objetivo não é permanecer incógnito.

O tucano

Habitat do tucano

A vida média dos tucanos é de 20 anos, mas quando estão em cativeiro, geralmente é menor que 18. Está comprovado que nessas condições tendem a ter hemocromatose, devido à baixa ingestão de frutas e excesso de ferro.

Os tucanos vivem regularmente nas selvas, nas copas das árvores, em áreas tropicais, subtropicais e chuvosas de baixa altitude. Em casos particulares, optam por se deslocar para florestas úmidas ou frias, ou para outras regiões de clima mais temperado, com serras de aproximadamente 300 metros acima do nível do mar.

Há alguns que preferem lugares altos e se distinguem por sua plumagem mais escura e compacta, e seu bico parece mais robusto, duro e pesado.

O tucano está massivamente distribuído todo o continente americano principalmente em países como México, Argentina, norte da Colômbia e noroeste da Venezuela.

Comumente, seu habitat inclui a Amazônia peruana, a Amazônia equatoriana, a savana do Cerrado (Brasil), a Selva de Tikal (Guatemala), a Selva de Misiones (Argentina) e a Selva do Orinoco (Venezuela).

É um pássaro sedentário, que geralmente passa a maior parte de sua vida na mesma área. Não tem o hábito de migrar e no seu dia a dia é visto aos pares ou em grupos de seis indivíduos.

Alimentação de tucano

Para se alimentar, o tucano usa o bico como arma. Com ele pegue a verduras e frutas que observa nas pontas dos galhos, assim como as sementes e bagas que compõem sua dieta.

Ele também come pequenos animais, incluindo outros pássaros, ovos e insetos. Tucanos em cativeiro geralmente consomem carne moída, insetos e lagartas.

Como seu estômago é pequeno, ele escolhe alimentos ricos em água, para poderem ser absorvidos rapidamente. O que ele come, ele joga fora em meia hora.

Características do tucano, origem, habitat, reprodução, alimentação das aves

Reprodução

Os tucanos colocam entre dois e quatro ovos brancos uma vez por ano, após fazerem ninhos nas cavidades das árvores. Posteriormente, inicia-se o período de incubação, que varia de 15 a 20 dias. A responsabilidade pelo cuidado dos ovos é dividida entre o macho e a fêmea.

Os filhotes nascem sem penas e podem ficar de olhos fechados por três semanas. Eles permanecem no ninho por dois meses enquanto seus bicos se desenvolvem completamente e se preparam para voar.

O tucano é um pássaro monogâmico, que vive como um casal permanentemente. A partir dos 3 anos, ele começa a ser sexualmente ativo.

Por sua beleza inegável, o tucano é muito procurado como animal de estimação, por isso seu estado de perigo e ameaça aumenta a cada dia. É o homem que se tornou seu principal inimigo.

caio carbonaro

Sobre Caio A Carbonaro Guerreiro

Caio A. Carbonaro Guerreiro é um renomado biólogo da Universidade de Santo Amaro, com vasta experiência e profundo conhecimento em seu campo. Ao longo de anos de dedicação, ele se destacou em pesquisas e projetos que contribuíram significativamente para a compreensão da biodiversidade e conservação ambiental. Sua paixão pela natureza e seu compromisso com a preservação a tornam uma referência respeitada, e seu trabalho tem um impacto duradouro na proteção dos ecossistemas e na educação ambiental.