Home » Saúde e Beleza » Melhore sua Circulação com Melilotus Officinalis

Melhore sua Circulação com Melilotus Officinalis

Podemos nos conhecer Melilotus officinalis de outras maneiras, como trevo doce amarelo , trevo amarelo, trevo doce ou trevo doce. Esta planta tem, hoje, muito potencial aplicado à medicina do ser humano. Atualmente é cultivada como planta forrageira e para melhorar solos pobres, pois pertence à família das leguminosas (com grande potencial para fixar nitrogênio atmosférico em simbiose com microrganismos).

Características de Melilotus officinalis

Nesta parte damos uma ideia do tamanho e características desta planta, para que os interessados ​​em plantar e cultivá-la para fins medicinais possam conhecê-la e adaptá-la ao seu terreno ou espaço de jardim.

Melilotus officinalis É uma planta do tipo grama ou forragem. Não atinge uma grande altura, mas ocupa grandes áreas de terra. Como ornamental não é apreciada, pois suas flores são pequenas e amarelas.

No entanto, seu uso para melhorar o solo é interessante. Por um lado, é uma leguminosa que fornece nitrogênio ao solo quando interage com microrganismos fixadores. Por outro lado, sua raiz principal melhora a textura do solo e o equilíbrio entre a parte líquida e gasosa da terra. Em relação ao primeiro, seu potencial como fixador de nitrogênio foi investigado anos atrás, atingindo níveis que poderiam ser considerados excessivos em termos de nitratos (Kingsbury, 1964). Tudo depende do crescimento da planta, do desenvolvimento das raízes e do modo de cultivo.

Condições de seu cultivo

Embora seu cultivo também não seja interessante quando o vemos do ponto de vista medicinal (mas se for forragem, para alimentação animal), damos alguns conselhos de cultivo.

Melilotus officinalis Adapta-se a solos de qualidade média (melhor os arenosos), com boa disponibilidade de luz (prados e pradarias, por exemplo) e com boa drenagem. Prefere os solos com pH básico ou alcalino e consegue suportar altos níveis de salinidade.

Quanto à dose de água e irrigação, é capaz de resistir muito bem a condições de seca e solo seco. Também se adapta muito bem a períodos de baixa pluviosidade, pois tem uma sistema de raiz poderoso. Isso permite que ela se adapte muito bem a todos os ambientes (é nativa da Europa e Ásia), tornando-se até mesmo uma planta invasora, dado seu rápido crescimento.

Cultivo e propriedades de Melilotus officinalis.

As propriedades da cumarina, um composto presente em Melilotus officinalis

Um componente de grande importância presente no trevo amarelo e possui diversas aplicações é o cumarina. É um composto químico do tipo orgânico considerado como metabólito secundário da planta, e tem propriedades anticoagulantes. Claro, isso nos faz pensar no título deste artigo, onde mencionamos a melhora da circulação sanguínea com preparações de plantas medicinais Melilotus officinalis. Embora no momento, não vamos adiantar eventos.

Usos médicos da cumarina

Além do potencial anticoagulante desse metabólito, eles também têm sido investigados para tratar doenças em outros campos da medicina. Podemos ver os seguintes casos:

  • A atividade da cumarina e seus derivados tem potencial antitumoral.
  • Tem efeito antiarrítmico
  • anti-inflamatório
  • Antisséptico e analgésico
  • Reduz a pressão arterial
  • Tem sido usado para tratamentos de asma (Liu, H., 2011)

Todos esses efeitos são comprovados e, de fato, a cumarina está presente em alguns medicamentos comercializados para o tratamento de algumas dessas patologias.

No entanto, nem tudo seria bom na vinha do Senhor. A cumarina, dependendo da dose, tem um efeito tóxico no fígado e nos rins. A dose letal (DL50) foi estabelecida em uma quantidade de 275 mg/kg.

Os efeitos anti-inflamatórios desta planta medicinal podem ser combinados com outros de ação semelhante, como lavandin para criar um óleo de aplicação na pele.

Melilotus officinalis Como Planta Medicinal

Quando cultivada para fins medicinais, a planta inteira é geralmente arrancada e deixada para secar em ambientes ensolarados e arejados. São utilizadas as suas ramificações florais e até algumas hastes tenras. Notaremos na sua secagem como exala um aroma intenso e no sabor é picante e amargo.

Basicamente, a importância desta cultura como planta medicinal é baseada em sua composição em cumarina e derivados. As propriedades deste composto já foram mencionadas anteriormente, quando foi sintetizado e adicionado a medicamentos.

Em níveis mais baixos, tem os mesmos efeitos, embora consideremos sempre  o limite da dose que pode se tornar tóxico para nós.

Não se assuste com a questão da toxicidade, pois até a água se torna tóxica quando ingerida em grandes quantidades. A dosagem é a melhor arma para qualquer hábito alimentar.

isabella carolina

Sobre Isabella Carolina

Isabella Carolina é uma especialista em saúde e beleza com treinamento na Europa. Com uma abordagem refinada e inovadora, ela combina o conhecimento europeu de bem-estar e estética com as mais recentes tendências globais. Sua expertise se reflete em tratamentos personalizados que promovem a saúde e realçam a beleza, cativando seus clientes. Isabella é uma profissional comprometida em elevar os padrões de cuidados com a saúde e a estética, tornando-a uma referência respeitada no campo. Seu treinamento europeu adiciona um toque sofisticado e contemporâneo aos seus serviços, criando experiências únicas para aqueles que buscam o melhor em beleza e bem-estar.