Home » Decoração » Como instalar o piso radiante por tubos de água

Como instalar o piso radiante por tubos de água

O aquecimento de piso, laje ou piso radiante é uma excelente opção para aquecer residências e instalações comerciais, desde que haja recursos suficientes disponíveis. É que, em suas duas versões, a elétrica e a que funciona por tubos de água, o piso radiante implica um gasto considerável de dinheiro, quando comparado a qualquer outro tipo de aquecimento. No entanto, se estiver prestes a iniciar uma obra, tenha em atenção este sistema de aquecimento que é cada vez mais procurado. Aqui estão algumas dicas sobre sua instalação.

O piso radiante por tubos de água é um sistema de aquecimento com múltiplas vantagens. É uma rede de tubos que é instalada embutindo-a no subsolo ou camada de argamassa de uma sala. É por essa tubulação que passa a água aquecida por caldeira, painel solar, acumulador elétrico, bomba de calor, entre outros, que abriga o espaço a ser aquecido. O piso é colocado sobre o tubo, sendo os pisos de madeira, cerâmica, linóleo, carpete e mármore os preferidos para o uso do piso radiante.

solo radiante

Requisitos para a instalação de um piso radiante

O piso radiante precisa de alguns detalhes inevitáveis ​​no momento de uma instalação bem-sucedida. Em primeiro lugar, é preciso cuidar da qualidade e espessura do contrapiso ou argamassa que servirá de leito do tubo para o piso radiante. Neste sentido, o arquitecto ou gestor de obra que procede à colocação da laje radiante deve respeitar as normas em vigor, que fornecem os cálculos necessários para uma distribuição adequada do calor.

Uma maneira comum de fazer isso é dar cerca de 5 cm à argamassa que cobre o tubo de aquecimento por piso radiante. Um erro na instalação pode levar a uma distribuição irregular do calor. No caso de ralos que possam estar presentes na sala, recomenda-se cercá-los com faixas perimetrais, para que não surjam problemas de absorção.

Vantagens e desvantagens de instalar um sistema de piso radiante

O piso aquecido envolve um sistema sofisticado para condicionar o clima em residências, escritórios e estabelecimentos de todos os tipos. Tanto que a sua evolução passou a resfriar pisos radiantes, graças aos modernos métodos de programação.

Outras vantagens do sistema de piso radiante é a economia: economia de espaço e economia de energia. Escusado será dizer que a temperatura homogénea que se consegue através da implementação do piso radiante confere aos ambientes uma mais-valia de conforto. A saúde também é beneficiada por esse método de aquecimento, pois reduz a quantidade de poeira e ácaros.

A desvantagem de implementar o piso radiante em casa ou empresa é o seu custo económico, não só em termos do complexo sistema de tubagens necessário, mas também da complexidade do piso que o deve conter.

tom r silva

Sobre Tom R Silva

Tom R. Silva é um especialista em construção e decoração com um profundo conhecimento em transformar espaços em verdadeiras obras de arte. Sua habilidade excepcional de combinar design arrojado com a funcionalidade prática o torna um profissional renomado. Com anos de experiência, Tom é apaixonado por criar ambientes que refletem a personalidade e estilo de seus clientes. Sua abordagem única e atenção aos detalhes garantem que cada projeto seja uma expressão única de elegância e criatividade. Tom é uma referência em design de interiores e construção, proporcionando espaços inspiradores e funcionais.