Home » Decoração » Erros clássicos de pintura de interiores que podem ser evitados

Erros clássicos de pintura de interiores que podem ser evitados

Pintar O cômodo de uma casa é uma tarefa relativamente simples para a maioria de seus habitantes, embora essa facilidade tenha levado muitos a acreditar que um bom resultado pode ser obtido trabalhando sem a preparação prévia das superfícies a serem tratadas ou dos materiais e ferramentas apropriados.

Neste post você verá alguns dos erros mais comuns cometidos por quem está começando no pintura de interiores, que felizmente pode ser avisado a tempo e evitado.

. Falta de preparação de paredes e tetos: É uma das omissões clássicas, especialmente naquelas salas que você deseja repintar depois de um tempo. Por uma questão de tempo ou preguiça, pode ser tentador pular a etapa de deixar as superfícies o mais limpas e lisas possível.

No entanto, isso pode ter repercussões negativas após o término da obra, quando imperfeições que não foram reparadas em tempo hábil se tornam aparentes e até mesmo quando a tinta começa a descascar em pouco tempo, devido à sujeira e partículas de poeira ou camadas antigas de tinta. cor impediu a correta adesão do novo material.

. Falta de primer de superfície: Outro erro, intimamente relacionado com o anterior, refere-se à falta de primário das superfícies antes da aplicação da tinta.

A falta de uma camada subjacente para servir de suporte pode fazer com que a tinta adere mal às paredes e tetos. Uma superfície porosa pode absorver muita tinta, o que tornará necessário aumentar o número de demãos necessárias para obter um acabamento mais ou menos satisfatório.

Existem diferentes produtos no mercado que podem cumprir a função de primários e que se adaptam ao tipo de superfície a revestir (alvenaria, metal, gesso, melamina, madeira, etc.). O importante na aplicação de todos eles é seguir as instruções dos fabricantes, principalmente no que diz respeito ao modo de uso e tempos de secagem.

. Uso de ferramentas inadequadas: Pincéis, rolos ou pulverizadores de má qualidade ou inadequados para o tipo de tinta a ser utilizado podem complicar todo o trabalho. Sem o equipamento certo, você pode acabar gastando mais tempo e dinheiro ou ter um resultado final insatisfatório. O mesmo pode acontecer se forem utilizadas ferramentas velhas e deterioradas.

. Não proteger móveis e pisos: Muitos pintores iniciantes acreditam que podem desafiar as leis da gravidade e não tomam os cuidados necessários para evitar derramamentos. pintura em objetos presentes na sala ou outras superfícies. Algumas gotas de cor em cerâmica podem ser limpas com relativa facilidade, mas o que acontece quando o derramamento ocorre em um móvel de madeira ou em um tapete?

Portanto, antes de iniciar o processo de pintura, é importante proteger a área, retirando o máximo de móveis, tapetes e cortinas. Caso não tenha um espaço alternativo, você pode agrupar os móveis no centro do cômodo e protegê-los com uma lona, ​​lençóis velhos dobrados ao meio.

As tomadas e interruptores também podem ser cobertos e o piso coberto com uma grande lona plástica, que pode ser fixada ao solo com a ajuda de fita adesiva.

Para superar esses e outros erros no trabalho de pintura, pode seguir as recomendações contidas nos posts «Dicas para pintar paredes interiores» e «Alguns truques para pintar quartos como um profissional».

tom r silva

Sobre Tom R Silva

Tom R. Silva é um especialista em construção e decoração com um profundo conhecimento em transformar espaços em verdadeiras obras de arte. Sua habilidade excepcional de combinar design arrojado com a funcionalidade prática o torna um profissional renomado. Com anos de experiência, Tom é apaixonado por criar ambientes que refletem a personalidade e estilo de seus clientes. Sua abordagem única e atenção aos detalhes garantem que cada projeto seja uma expressão única de elegância e criatividade. Tom é uma referência em design de interiores e construção, proporcionando espaços inspiradores e funcionais.