Home » Frutas » Como e quando plantar uma laranjeira?

Como e quando plantar uma laranjeira?

  • Melhor hora para plantá-lo: final do inverno e início da primavera.
  • Localização: ao sol, protegido de geada.

Quando plantar sua laranjeira?

Em climas tropicais ou subtropicais, o tempo de transplante para à terra das laranjeiras não é tão decisivo. Em casos de climas que variam mais, como Espanha ou Argentina, é altamente recomendável plantar no final do inverno e no início da primavera para que a árvore tenha o máximo de clima quente possível. Agora, a laranjeira conseguirá fortalecer as raízes para suportar melhor as baixas temperaturas do inverno.

Quão grande deve ser para trazê-lo para terra?

Recomendamos deixar a laranjeira em uma panela alguns anos em países com climas mais frios para poder movê-la do lugar no inverno e protegê-la da geada. Uma vez que a árvore passou alguns anos em uma panela e teve tempo para fortalecer suas raízes, ela pode ser transplantada em solo, embora ainda seja necessário protegê-la da geada. Isso pode ser feito com um cobertor ou um plástico grande.

Como plantar uma laranjeira?

  1. Escolha um lugar para plantá-lo onde ele tem muitas horas de sol direto sendo protegido do vento.
  2. A melhor hora para fazer isso é a primavera.
  3. Recomendamos plantá-lo primeiro em uma panela e transplantá-lo no chão quando ele tem um par de anos.
  4. Prepare o solo, com boa drenagem, nutrição e pH ligeiramente ácido.
  5. Cavar um buraco duas vezes o tamanho da panela, e coloque a laranjeira dentro.
  6. Muitas vezes é necessário colocar um tutor para crescer ereto.
  7. Água várias vezes por semana para manter o solo úmido.
  8. Protege a árvore de frio e geada extrema você pode usar um plástico para cobri-lo.
  9. Você deve estar sempre ciente do crescimento de sua árvore, da forma e cor das folhas, doenças e pragas.
sergio koifman

Sobre Sergio Koifman

Sergio Koifman é um renomado biólogo com mais de duas décadas de experiência dedicadas à pesquisa e ao entendimento dos ecossistemas naturais. Seu extenso histórico inclui estudos aprofundados sobre a biodiversidade, conservação e sustentabilidade ambiental. Ao longo de sua carreira, Sergio desempenhou um papel fundamental na preservação da vida selvagem e na promoção de práticas sustentáveis. Sua paixão e compromisso em relação à natureza o tornam uma autoridade respeitada na comunidade científica e um defensor incansável da proteção ambiental. Seu trabalho tem um impacto duradouro na preservação dos ecossistemas e na conscientização ambiental.