Home » Frutas » Kiwifruit: propriedades, benefícios, características, origem, cultivo, e muito mais.

Kiwifruit: propriedades, benefícios, características, origem, cultivo, e muito mais.

  • Nome científico: Actinidia deliciosa
  • Família: Actinidiaceae
  • Origem: China
  • O clima: Temperado
  • Dificuldade de cultivo: Moderado
  • Bons vizinhos: Kiwi feminino ou masculino
  • Maus vizinhos: Vid

Características da planta de kiwi

O kiwifruit é uma árvore trepadeira pertencente à família do Actinidiaceaenome científico Actinidia deliciosa. Tem galhos tortuosos que se penduram quando atingem um certo comprimento, de modo que geralmente é cultivado ao lado de uma estaca ou treliça.
Suas flores são pequenas, de cerca de 4 cm de diâmetro, de cor branca ou creme, com numerosos estames visíveis a olho nu. Suas folhas são grandes, cerca de 20 cm, em forma de coração e verdes escuras na parte superior e mais claras na parte inferior.

O fruto do kiwi

O fruto do kiwi é uma baga coberta por uma pele marrom felpuda, com cerca de 6 cm de comprimento. Sua carne é verde ou amarela, dependendo da espécie, embora a mais cultivada seja a verde. Dentro dela há numerosas sementes pretas: sua quantidade determina o tamanho e a qualidade dos frutos.
Tem um sabor doce e ácido intenso ao mesmo tempo.

Fatos divertidos

Embora a maioria das pessoas geralmente descasque kiwifruit, ele pode ser comido descascado e tudo mais, aproveitando ao máximo suas propriedades nutricionais. É apenas uma questão de remover a casca.

Propriedades e benefícios do kiwifruit

Há muitas razões para cultivar kiwis em casa, pois além de deliciosos, eles têm muitas propriedades nutricionais e medicinais, razão pela qual muitos especialistas recomendam comê-los com o estômago vazio.

Nutrientes contidos no kiwifruit

Primeiro de tudo, com apenas um kiwifruit você obtém toda a vitamina C que precisa em um dia, tendo em mente que o peso médio de um kiwifruit é de 130 gramas. Também contém vitaminas E, K, B6 e B9 (ácido fólico), luteina-zeaxantina e beta-caroteno.
Kiwifruit contém minerais essenciais para o bom funcionamento de nosso organismo, tais como potássio, magnésio, fósforo, cobre, ferro e cálcio, assim como carboidratos e fibras.

Por que comer kiwifruit todos os dias: uma grande fonte de vitamina C?

Esta vitamina é essencial para o crescimento e reparação de nossos tecidos corporais, tais como pele, músculos, ossos e vasos sanguíneos.
Também fortalece nossas defesas naturais, beneficia a absorção do ferro e tem uma importante ação antioxidante, eliminando os radicais livres que poderiam causar doenças cardíacas, artrite ou câncer.

Vitamina K

Se você está se perguntando para que serve o kiwifruit, outra razão é seu conteúdo de vitamina K, já que com uma fruta você recebe a quantidade necessária em um dia. Esta vitamina está envolvida no processo de coagulação do sangue, que é muito importante para a prevenção de hemorragias.

Propriedades medicinais dos kiwifruit

O kiwi nos proporciona todos esses benefícios à saúde:

  • Ele fortalece as defesas naturais do corpo.
  • Promove a geração de novos tecidos.
  • Contribui para o crescimento e reparo ósseo e muscular.
  • Protege o sistema circulatório.
  • Previne hemorragias.
  • Ajuda as feridas a sarar mais rapidamente.
  • É um antioxidante.
  • Mantém os órgãos de visão em boas condições.
  • Promove a digestão.
  • Ajuda a controlar o diabetes.

Valores nutricionais

Para o que o kiwi é bom

Além de proporcionar todos os benefícios mencionados acima, o kiwi é amplamente utilizado em confeitos, devido a seu intenso sabor doce e azedo, e à cor verde de sua polpa, o que acrescenta um toque extra a estas preparações. Pode ser encontrado em sobremesas, tortas, bolos, sorvetes e também em smoothies e saladas. É perfeito para acompanhar cremes e queijos.
A melhor maneira de incorporar seus nutrientes é em sua forma natural, sem liquefazer-se, mesmo com casca.

A origem e a história do kiwi

O kiwifruit é uma planta nativa da China continental, onde é cultivada há séculos. O primeiro registro de seu uso medicinal data de 300 AC. Só no século 20 é que começou a ser cultivado na Nova Zelândia e de lá foi introduzido em outros países temperados.
Os principais países produtores de kiwis no mundo são China, Itália, Nova Zelândia, Chile, Grécia, França e Turquia.

A origem da palavra kiwi

Esta fruta nem sempre foi conhecida como “kiwi”, mas seu nome mudou com o tempo. O primeiro nome registrado é “yang tao”, um nome de origem chinesa. Depois, na Nova Zelândia, foi primeiro chamada de “groselha chinesa” e depois de “kiwifruit”.
O “Kiwi” é a ave nacional daquele país, que não tem asas. É uma ave pequena, de cor marrom a marrom, cuja forma pode muito bem se assemelhar à da fruta.

Fatos divertidos

O significado da palavra “kiwi” é marcante: é uma onomatopéia do canto do kiwi, a ave emblemática da Nova Zelândia.

Como cultivar kiwifruit em casa

Este maravilhoso fruto com propriedades nutricionais importantes pode ser cultivado no jardim ou em vasos, a partir de sementes, estacas ou enxertos.

  • Dificuldade de cultivo: Moderado
  • Freqüência da irrigação: 2-3 vezes por semana
  • Fertilizante: uma vez por ano
  • Tipos de esterco: esterco de vaca, esterco, adubo, húmus
  • Quando podar: início do inverno

O que a fábrica de kiwi precisa

Temperatura e clima ideais

O Kiwifruit gosta de um clima temperado, com temperaturas de 25 a 30 °C na primavera-verão. No inverno, quando entra em dormência, pode suportar geadas sem problemas, pois até se beneficia do acúmulo de horas de frio para produzir uma fruta de maior qualidade. Mas não tolera geadas tardias na primavera, quando os botões começam a crescer de onde a flor e depois o fruto surgirão.
Tampouco lida bem com ventos fortes, pois isso pode quebrar seus ramos. Além disso, ventos fortes dificultam a chegada das abelhas e, portanto, a polinização. Em áreas muito ventosas, é melhor plantar sebes ou arbustos, ou cobrir as plantas com plástico ou rede em caso de ventos fortes.

Sol e umidade

O Kiwifruit não precisa de sol direto o tempo todo, por isso pode ser cultivado em semi-sombra. Também prefere ambientes úmidos e não tolera bem climas secos. Portanto, se você vive em um clima seco, é melhor pulverizar a planta com um aspersor ou cobri-la com uma rede.

Substrato rico em matéria orgânica

A Kiwifruit é uma planta exigente, por isso precisa de um solo rico em matéria orgânica e ligeiramente ácido. A melhor alternativa é adicionar estrume ou adubo ao substrato. Também é importante que o solo tenha uma boa drenagem, pois suas raízes podem sofrer asfixia. Quanto mais profundo o solo, melhor, portanto, se você crescer em uma panela, tente escolher uma que seja profunda, e pelo menos 60 litros.

Freqüência de irrigação

A irrigação deve ser regular, cerca de 3 vezes por semana, aumentando a freqüência quando novos ramos aparecem na primavera, pois a planta terá mais necessidade de água e nutrientes durante este período.

Tutor

A fábrica de kiwis exige que você a apoie com uma estaca durante seu crescimento e que guie seus ramos para que não fiquem muito emaranhados. Caso contrário, a polinização e/ou a colheita de frutas será mais difícil. A mais comumente utilizada é a estaca em forma de T, que é instalada da seguinte forma:

  1. Colocar 2 estacas em forma de T com 2 m de altura e 5 m de distância.
  2. Espalhe 3 fios na parte superior do T.

Desta forma, os galhos ficarão presos à estaca e aos fios.
Outra alternativa é plantar kiwifruit junto a uma grade.

Poda

A árvore kiwi requer dois tipos de poda: poda de crescimento e poda de inverno.
A poda de crescimento é a poda necessária para que a planta cresça em altura e se firme à estaca.
A poda de inverno, por outro lado, é realizada no início da estação do inverno, deixando apenas os 3 ramos principais e mais vigorosos. É importante utilizar tesouras de poda afiadas e desinfetadas para evitar a transmissão de doenças e/ou pragas que possam afetar outras plantas do pomar.
A planta de kiwis requer alguns cuidados no início, especialmente a poda e a estaca, mas uma vez instalada a estaca e a planta crescida, ela requer menos atenção.

Como cultivar kiwifruit

As plantas kiwifruit são dióicas, o que significa que para colher kiwifruit você deve plantar um kiwifruit fêmea e um kiwifruit macho, e fornecer as condições necessárias para que a polinização ocorra, tais como plantar plantas em seu pomar que atraiam abelhas e proteger o kiwifruit do vento. Há também espécies monóicas ou hermafroditas, que se polinizam a si mesmas.

Para polinizar uma planta de kiwi você precisará ter uma fêmea e um macho.

É possível reproduzir kiwifruit a partir de sementes, mas é um processo mais longo e complexo, que você pode conhecer neste artigo. Além disso, se você tirar sementes de um fruto, você não saberá se ele é feminino ou masculino até sua primeira floração, que ocorre depois que a planta tem 3 anos de idade.
Portanto, a melhor opção é propagar os kiwis através de recortes, como a seguir:

  1. Corte um ramo jovem e vigoroso com cerca de 15 cm de comprimento abaixo de um dos nós com uma tesoura limpa e desinfetada. Isto deve ser feito no verão.
  2. Retirar as folhas da parte inferior do caule.
  3. Plante o caule em um pequeno vaso, achatando um pouco o solo para fixá-lo.
  4. Água sem pudim periodicamente.

Neste vídeo você aprenderá mais sobre como distinguir entre uma planta de kiwi feminino e uma planta de kiwi masculino:

Colheita de kiwifruit

A partir dos 3 anos de idade, a planta kiwifruit dará frutos uma vez por ano. Quando maduras, sua pele se torna mais marrom. No entanto, uma vez colhidas, elas levam alguns dias para amolecer.

A planta kiwifruit começa a dar frutos a partir dos 3 anos de idade.

Pestes e doenças comuns dos kiwis

Os kiwifruit podem ser afetados por insetos como pulgões, insetos farinhentos, nematódeos, ácaros e moscas brancas. O inseticida à base de alho é muito eficaz na eliminação dessas pragas, e o óleo de neem + sabão de potássio é bom para evitar seu aparecimento. Neste artigo, você encontrará informações mais completas.
Os kiwis também podem sofrer de doenças como Botrytis, Fusarium, podridão da coleira ou fungo da madeira. Os fungicidas naturais à base de alho, rabo de cavalo ou urtiga podem ser eficazes para combatê-los sem danificar a planta, mas é preciso primeiro podar as partes infectadas do kiwifruit e eliminá-las (não no composto).
A melhor maneira de garantir que sua planta possa resistir a ataques de pragas ou doenças é dar à planta kiwi os cuidados necessários, especialmente a poda, para que ela tenha sempre um bom arejamento, e não exagerar com fertilizantes e rega. Desta forma, você garantirá uma colheita abundante de kiwis orgânicos.

Perguntas mais freqüentes

Quais são os benefícios e propriedades dos kiwis?

O kiwi nos proporciona importantes benefícios à saúde: é um antioxidante, digestivo, antidiabético, previne hemorragias, fortalece as defesas, mantém a saúde de todos os tecidos do corpo, tais como pele, ossos e músculos, e promove uma boa visão. É rico em vitaminas C, K, E, B6, folato, beta-caroteno, luteina-zeaxantina e fibra.

O que acontece se eu comer kiwifruit todos os dias?

Se você comer kiwifruit todos os dias terá as quantidades diárias recomendadas de vitaminas C e K cobertas, o que beneficiará seus ossos, músculos, pele e todos os tecidos do corpo. Também ajudará na cura de feridas, evitará hemorragias e manterá sua visão saudável.

O que é kiwi fruta ou legume?

O kiwifruit é um fruto da planta do mesmo nome, ou Actinidia deliciosa. É uma baga marrom coberta com numerosos pêlos pequenos, cuja polpa doce e azeda é verde ou amarela, dependendo da espécie. Tem pequenas sementes pretas no seu interior.

Como se deve comer uma fruta de kiwi?

A melhor maneira de comer kiwifruit é naturalmente, cru, sem mistura, porque desta forma podemos incorporar melhor os nutrientes que ele fornece ao nosso organismo. Pode ser comido com ou sem casca. É perfeito para acompanhar sobremesas, sorvetes, cremes e queijos, assim como saladas, bolos e tortas.

sergio koifman

Sobre Sergio Koifman

Sergio Koifman é um renomado biólogo com mais de duas décadas de experiência dedicadas à pesquisa e ao entendimento dos ecossistemas naturais. Seu extenso histórico inclui estudos aprofundados sobre a biodiversidade, conservação e sustentabilidade ambiental. Ao longo de sua carreira, Sergio desempenhou um papel fundamental na preservação da vida selvagem e na promoção de práticas sustentáveis. Sua paixão e compromisso em relação à natureza o tornam uma autoridade respeitada na comunidade científica e um defensor incansável da proteção ambiental. Seu trabalho tem um impacto duradouro na preservação dos ecossistemas e na conscientização ambiental.