Home » Frutas » Plantio de coco em vasos

Plantio de coco em vasos

Divulgue para seus amigos e seguidores!

  • Sementeira coberta ou descoberta: descoberto
  • Tipo de terreno: rico em potássio e nitrogênio, com turfa, areia e sal.
  • Tempo de germinação: 3-6 meses
  • Temperatura de germinação: superior a 20 °C.
  • Transplantio: quando tiver 50 cm de altura.

Para plantar coco em vaso, é preciso obter um coco em bom estado. Você pode escolher um de um coqueiro próximo, ou comprá-lo em um mercado. Seria ideal se você pudesse obter uma variedade de coco anã.
Se o coco estiver em boas condições para o plantio, você deve conseguir ouvir o som do líquido dentro dele. Também deve ser muito duro e não deve ter bolor ou umidade em nenhum dos orifícios na extremidade.

Passo a passo para germinar um coco

  1. Remover toda a fibra ao redor do coco, até que os 3 furos sejam visíveis.
  2. Deixe o coco em água por 5 dias.
  3. Remover a camada superficial de um dos furos com uma faca. Se o líquido sair, o coco não é ideal para a colheita.
  4. Plante-o em um vaso de cerca de 30 cm de profundidade com um substrato preparado com 2/4 de solo, ¼ de areia e ¼ de turfa. Deve ser enterrado, perto da superfície e com os buracos voltados para cima.
  5. Polvilhe um punhado de sal sobre o substrato.
  6. Água até que o solo esteja completamente úmido e coloque o pote em um local ensolarado ou quente.

O coco germinará em cerca de 3-5 meses.

O ambiente ideal para o coco anão

O coco, sendo uma fruta tropical, precisa de temperaturas de mais de 16 °C idealmente de 20 a 25 °C. É por isso que é melhor colocar o vaso perto de uma fonte de calor, como a cozinha, onde também há mais umidade, para que o coco possa germinar. Após a germinação, coloque o pote onde ele recebe boa luz.

Como cuidar do coqueiro anão em vaso

Observe que a frequência de irrigação varia conforme o clima de sua região, mas, em geral é feito 2-3 vezes por semana nas estações quentes e uma vez por semana nas estações frias.
Além disso, para beneficiar seu desenvolvimento, é bom aspergir sal no solo a cada 3 meses, antes da rega, e você enriquecer o solo com húmus, esterco ou adubo pelo menos uma vez por ano. Você também pode usar cascas de ovos, chá de banana ou borras de café.
Quanto ao transplante para um pote maior, você deve fazer isso uma vez por ano no início, e depois a cada dois anos. Precisa de um pouco de paciência e atenção no início, mas logo se tornará uma palmeira maravilhosa que certamente abrilhantará seu ambiente.


Divulgue para seus amigos e seguidores!
sergio koifman

Sobre Sergio Koifman

Sergio Koifman é um renomado biólogo com mais de duas décadas de experiência dedicadas à pesquisa e ao entendimento dos ecossistemas naturais. Seu extenso histórico inclui estudos aprofundados sobre a biodiversidade, conservação e sustentabilidade ambiental. Ao longo de sua carreira, Sergio desempenhou um papel fundamental na preservação da vida selvagem e na promoção de práticas sustentáveis. Sua paixão e compromisso em relação à natureza o tornam uma autoridade respeitada na comunidade científica e um defensor incansável da proteção ambiental. Seu trabalho tem um impacto duradouro na preservação dos ecossistemas e na conscientização ambiental.