Home » Meio Ambiente » Flora e Fauna: O que são?, Características, Exemplos e Mais

Flora e Fauna: O que são?, Características, Exemplos e Mais

O flora e fauna eles são um elemento importante da natureza que faz parte de nossas vidas. Eles desempenham um papel importante na conservação do planeta e de nós como espécie humana, por isso vamos explicar abaixo vários aspectos sobre este assunto, além de quão fundamental é cuidar deles e quais são suas diferenças.

flora e fauna

Saiba tudo sobre flora e fauna

Flora e fauna são esses elementos bióticos que fazem a vida em um determinado ecossistema. São consideradas partes vivas ou vivas deste cenário que fazem parte de um bioma específico do planeta Terra.

Sempre pesquisamos e estudamos a flora e a fauna, eles fazem parte dos estudos da mãe terra, é o que somos repetidamente instruídos em sala de aula. Esses termos, independentes ou em conjunto, são usados para se referir à vida específica encontrada em uma região geográfica ou em um determinado país.

O que é flora e fauna?

Flora é a vida vegetal que conhecemos, sejam árvores, fungos, baterias fotossintéticas, arbustos, entre outros. Por outro lado, quando falamos de fauna, estamos nos referindo aos animais que fazem parte das espécies do nosso planeta, bem como répteis, mamíferos, aves, insetos, entre outros. Trata-se de formas vivas adaptadas às condições de seu ambiente.

A relação que esses dois elementos da natureza, flora e fauna têm são fundamentais para que nós, como seres humanos, entendamos como a vida e o meio ambiente funcionam em um lugar específico. Por exemplo, pode nos dar as indicações necessárias para entender um habitat subaquático ou uma selva.

Em geral, a flora lida com esses organismos produtores que podem ou não fazer parte do processo de fotossíntese e fauna em termos de consumidores em seus diferentes níveis de organização trófica: sejam predadores, herbívoros e decompostos.

flora e fauna

Como eles são diferentes?

Como podemos notar neste tema, embora a flora e a fauna estejam juntas nos livros de estudo para analisá-los, eles são muito diferentes. Cada grupo existe em todas as partes do planeta Terra, e cada um deles responde a certas características especiais que aderem a certas condições geográficas e climáticas da área em que são geradas. São considerados organismos que evoluem e se adaptam ao ambiente onde são encontrados.

Quer nos refiramos à fauna ou à flora, são elementos essenciais para que a natureza mantenha seu devido equilíbrio e estabilidade. Há casos com plantas e animais que geram relações simbióticas entre grupos que garantem sua sobrevivência, para que uma existência plena em um determinado ecossistema possa ser prometida.

Flora

Todos aquelas espécies de plantas que fazem parte de um ambiente específico ou ecossistema de uma região, é o que chamamos de flora. Estes podem ser cultivados por intenções humanas ou crescer espontaneamente em um lugar.

Esse conceito de “flora” inclui plantas florescendo ou não, sementes, espécies vegetais encontradas em áreas aquáticas, e todos os corpos que fazem parte da vegetação de uma região geográfica.

Em muitas ocasiões veremos que o nome flora e vegetação serão usados como se fossem o mesmo conceito, mas realmente o primeiro se refere à espécie, enquanto o segundo fala sobre a distribuição que eles têm em uma determinada região.

Tipos

O flora tem duas mensalidades Confira abaixo quais nos referimos:

  • Flora nativa ou nativa: nos referimos a isso como aquela que inclui as espécies vegetais características em uma determinada área geográfica, ou seja, crescem naturalmente naquele lugar.

Como exemplo dessa flora, temos a camélia japônica, que é característica do seu país Japão.

  • Flora agrícola: são elas que conhecemos que são introduzidas em uma região geográfica por intenção humana, não são nativas dessa área.

Temos como exemplos dessa flora agrícola as culturas de chá no país argentino, já que não é nativa da área, apenas que as sementes começaram a ser cultivadas lá para atividades comerciais.

Fauna

Fauna é o que você conhece como a espécie animal que faz vida em uma determinada área geográfica em um determinado ponto do tempo. Como pudemos ver com o grupo flora, estes também geram tipos de relações essenciais para que a estabilidade seja mantida no ambiente.

flora e fauna

Tipos

Há dois tipos de fauna, o que é importante para você saber:

  • Vida selvagem: é aquela que inclui as espécies de animais que são típicos de uma área geográfica. Você também pode vê-lo em certos sites ou livros educacionais, como a vida selvagem.

Um exemplo característico da vida selvagem é o lobo cinzento ou arara escarlate que são típicos do México.

  • Fauna domesticada: isso é o que você conhece como a espécie que os humanos introduzem em uma determinada área geográfica. Eles não são nativos dessa região, isso é feito pela espécie humana para realizar atividades comerciais sem trazer consequências negativas.

No entanto, é importante ressaltar que há casos em que certas espécies introduzidas pela ação humana geram um desequilíbrio no ambiente, estes são conhecidos como “Invasores”. Isso pode acontecer acidentalmente e pode mudar os Níveis de organização ecologia, no entanto, é difícil de corrigir.

Um dos exemplos desse tipo de fauna é o gado, uma vez que são introduzidos em diversas regiões para realizar atividade comercial.

Um exemplo de classificação de espécies invasoras que mencionamos anteriormente é a salamandra colocada nos Estados Unidos com a função de ser isca na pesca, no entanto, isso serviu como uma ameaça ao seu mesmo tipo de animal nativo da Califórnia.

Tipos de Flora e Fauna

Já estamos claros sobre a definição de flora e fauna, além de suas aulas em termos de aspectos que os diferenciam e alguns exemplos que nos permitem entender melhor o termo. Agora, vamos investigar um pouco mais com as categorias, ou seja, as endêmicas, autóctones e invasivas.

Já falamos anteriormente de forma superficial sobre esses tipos de fauna e flora, porém, aqui vamos aprofundar mais os conceitos:

  • Endêmica: são as espécies, com uma evolução significativa, além de um desenvolvimento que as caracteriza; além disso, eles podem viver todo o seu ciclo de vida em uma região específica, para não migrarem para outros lugares. Estes também podem ser considerados como nativos ou autóctones.
  • Autóctones: também é chamado “nativo”, são as espécies de seres vivos, com origem em um determinado território, no entanto, não são exclusivas de um lugar específico, portanto, não podem ser endêmicas.
  • Invasivos: podem ser animais ou plantas que atingiram outro ambiente que não seja o nativo, a fim de prosperar afetando outras espécies nativas ou endêmicas. Geralmente, eles são introduzidos por humanos. Estes podem deslocar aqueles que são nativos dessa área do planeta levando-os a um estado de extinção, uma vez que eles não permitem que eles tenham território ou comida suficientes.

flora e fauna

Importância da conservação

Não importa a qual ecossistema estamos nos referindo, sempre a presença da flora na forma de arbustos, árvores e partes de plantas é fundamental e até essencial. Sua importância se deve à importância de que estas sejam a principal fonte da transformação do dióxido de carbono em oxigênio, ou seja, esse procedimento químico que permite que os seres vivos respirem.

Por outro lado, a flora tem uma função fundamental que permite que a estrutura do solo permaneça ótima, ajudando-a a parecer compacta e evitar a erosão; estes permitem restos de matéria orgânica que serão decompostos para que uma atividade bacteriana e fúngica conforme as necessidades do ecossistema seja dada.

Além disso, como podemos ver bem na história da atividade econômica humana, a flora funciona como um grande elemento criativo de oportunidades comerciais, devido ao grande interesse na área da agricultura. Podemos ver que a fazenda vem de diversos recursos oferecidos por esse elemento natural, especialmente no que diz respeito a frutas e hortaliças; isso faz parte da dieta da grande maioria da população humana mundial.

A flora permite obter muitos recursos de grande ajuda para fins como medicina ou aqueles que contêm elementos benéficos, seja com chá de menta, camomila, tomilho, entre outros. Por outro lado, você também pode extrair matéria-prima relacionada à madeira, látex, fibras de vegecomo algodão ou linho. Da mesma forma, materiais de construção ou ferramentas foram aproveitados, de modo que eles são um grande fornecedor dos instrumentos que ajudam os humanos a existir e sobreviver.

flora e fauna

Quando nos referimos à fauna, como sabemos bem, não importa o quão grande ou pequena uma espécie animal possa se tornar, todas elas sempre desempenham um papel fundamental para que a raça humana sobreviva e preserve o meio ambiente em ordem e estabilidade. Não importa se é anfíbio ou mamífero, são todos importantes.

Cada animal encontrado na Terra tem uma função ou papel fundamental no meio ambiente, de modo que a cadeia alimentar permaneça em pleno funcionamento. Suas missões podem ser ajudar na regeneração vegetal dos campos, bem como vacas ou cabras ou como roedores ou pássaros, podendo se alimentar de frutas e sementes que quando entram no solo com defecações ou enterrá-los, podem germinar.

Entenda o conceito de nossa flora e fauna, além da importância de conservá-la no fundamental. Com isso, aprendemos a valorizar tudo o que nos permite ficar mais tempo em nossa Terra e evitar grandes problemas ambientais.

sergio koifman

Sobre Sergio Koifman

Sergio Koifman é um renomado biólogo com mais de duas décadas de experiência dedicadas à pesquisa e ao entendimento dos ecossistemas naturais. Seu extenso histórico inclui estudos aprofundados sobre a biodiversidade, conservação e sustentabilidade ambiental. Ao longo de sua carreira, Sergio desempenhou um papel fundamental na preservação da vida selvagem e na promoção de práticas sustentáveis. Sua paixão e compromisso em relação à natureza o tornam uma autoridade respeitada na comunidade científica e um defensor incansável da proteção ambiental. Seu trabalho tem um impacto duradouro na preservação dos ecossistemas e na conscientização ambiental.